domingo, 23 de janeiro de 2011

Zombies Ate My Neighbors (SNES / MD)


     Olá pra vocês, jogadores viciados que visitam este blog porque milagrosamente se cansaram de jogar! A review de hoje é do jogo Zombies Ate My Neighbors, que numa tradução livre é Zumbis Comeram Meus Vizinhos! O game foi feito para satirizar os filmes de terror, pois com um clima bastante humorístico, você irá enfrentar várias criaturas de filmes do gênero, tais como frankensteins, lobisomens, vampiros, múmias, bonecos assassinhos e claro, os zumbis!
     Lançado em 1993 na América e em 1994 na Europa, o game obteve um sucesso aceitável nos consoles que foi lançado. Não foi nem um dos maiores clássicos, mas também não foi um jogo quase não conhecido. Como dito, teve um sucesso aceitável, apesar de ser um ótimo título. Confiram a review:

O JOGO
     Zombies é um game que mistura exploração com tiro. A visão do jogador é panorâmica, logo, toda a ação é vista de cima. Você pode comandar o personagem para qualquer direção, explorando o cenário e destruindo os monstros que aparecem. Para tal façanha, você usará armas que vão de pistolas e bazucas até maçãs, talheres e cortadores de grama! Tudo para livrar o cenário das terríveis criaturas!
Quando uma vítima morre,
ela se transforma em "anjinho"
     O objetivo de cada fase é resgatar as pessoas espalhadas por ela. São desde inocentes bebês e crianças que brincam na cama elástica até turistas e soldados do exército! Para resgatá-los, basta apenas tocá-los, para que eles sejam "coletados". Mas você deve fazer isso o mais rápido possível, pois os monstros da fase, além de quererem matar você, também chacinam essas pessoas que estão paradas aí feito idiotas! Cada fase tem de uma a até dez pessoas, e para passar, você deve resgatar pelo menos uma por fase. Quando todas as vítimas forem resgatadas, uma porta aparecerá, aí basta entrar nela para passar para a próxima fase! No começo, a maioria das fases possui dez pessoas espalhadas, mas com o tempo, a dificuldade vai aumentando até que só haja uma pessoa por fase, e se os monstros a matarem, você perde uma vida. Então, fique esperto e seja rápido!
Os protagonistas
     Os heróis do jogo são Zeke e Julie, dois adolescentes que decidem livrar seu mundo desses monstros que aterrorizam as pessoas. Você os comandará pelos mais diversos cenários: quintais de casas, supermercados, shoppings, pirâmides, castelos, labirintos e muito mais. Jogando no single player, você escolhe qual deles quer comandar. E jogando em multiplayer, cada um dos jogadores pode assumir o comando de um dos jovens e, com um ajudando o outro, eles podem resgatar os inocentes das fases para assim progredir de nível.
Fase noturna
     As fases são bem extensas e têm vários lugares para explorar. Elas misturam ambientes abertos e fechados, e são cheias de detalhes, como armários ou latas de lixo em que se pode encontrar itens, ou muros com partes que podem ou não serem destruídas, para que o jogador possa explorar novas áreas. Mas não pense que todo o caminho está liberado pra você ir onde quiser, muito pelo contrário. Boa parte dos lugares estão fechados à chave, e só coletando as chaves espalhadas pelo cenário você pode abrir essas portas e salvar as pessoas! Mas não se preocupe, pois não há uma chave específica para cada lugar. Qualquer chave serve em qualquer porta, exceto pelo fato de que existem dois tipos de chaves: as douradas e as caveira. As douradas servem para abrir portas normais, e as caveira servem para abrir portas com uma caveira gigante na frente.
     O game utiliza o sistema de passwords. A cada quatro fases, você ganha um password composto por quatro letras. Aí, se você parar de jogar, poderá utilizar o password que ganhou para voltar mais ou menos onde estava (digo mais ou menos pois não são todas as fases que têm password, então se você morrer em uma que não tem, volta na última que tem, que geralmente fica algumas fases atrás).
Fase ao ar livre
     Na parte técnica, Zombies Ate My Neighbors apresenta um bom desempenho. Os gráficos do game são bonitos e têm cores fortes, vivas e chamativas. Os cenários são bem construídos e com vários detalhes, como folhas, latas de lixo, calçada, grama, muros. As músicas caíram perfeitamente bem ao game, pois conseguem ser trazer ao mesmo tempo para o jogador uma sensação de humor e de tensão. Todas elas também foram muito bem produzidas e não há fase em que se ouça uma música ruim. Além de trazerem diferentes sensações ao mesmo tempo, as músicas também combinam com cada cenário.
Versão de Mega Drive, que tem uma
tarja preta do lado direito da tela
     O game apresenta diferenças entre as duas versões, de Super Nintendo e de Mega Drive. No Super Nintendo, temos um botão pra usar a arma, outro pra usar os itens, um para troca de arma e outro para troca de item, e ainda o R que serve para ligar ou desligar um mapinha que aparece na tela para saber quantas vítimas faltam para serem resgatadas. No Mega Drive, por ter menos botões, a jogabilidade ficou meio improvisada. Há uma tarja preta no lado direito da tela que mostra o mapinha. Tal tarja fica sempre lá e não pode ser desativada. Assim, não dá pra jogar na tela inteira. Além disso, temos o botão A que usa a arma, o B que usa o item, e o C que é o botão de troca: C+A troca a arma e C+B troca o item. É até interessante, mas com certeza é mais confortável ter um botão para cada função! ^^

ARMAS
     Para enfrentar os inimigos, os personagens contam com a ajuda de armas, que são:
Pistola de água: A arma básica do jogo. A pistola de água é uma arma bastante fraca, ela serve apenas para matar zumbis e alguns outros inimigos fracos.

Lata de refrigerante: O personagem pode jogá-la nos inimigos e ela causa uma espécie de explosão. Arma de poder médio.
Maçãs: Minha arma preferida. As maçãs causam um dano médio nos inimigos, o problema é que o personagem demora um pouquinho para jogá-las.

Picolés: Semelhantes às maçãs, só que vão mais rápido. Causam um dano médio também.

Talheres: Armas com dano de médio pra alto. O único problema é que elas são um pouco devagares também, mas causam um bom dano.
Pratos: Quase que nem os talheres, mas causam um dano menor.

Bazuca: Arma de poder alto, que além de destruir os inimigos mais fortes, também pode quebrar paredes e muros. Fique atento a esta dica: algumas paredes e muros possuem rachos. Atirando nesses rachos você pode abrir uma passagem entre essa parede ou muro e assim visitar uma nova área.

Casinha: Não sei direito se é uma casinha, mas parece ser uma casinha (LOL). Enfim, esta "casinha" joga uma espécie de brilho que bate nos limites da tela e fica se rebatendo pelo cenário por alguns segundos. Esse brilho destrói todos os inimigos nos quais encosta.

Cruz: Não é uma cruz no estilo tradicional, é uma cruz mais arredondada, com todas as pontas iguais. Seu efeito é semelhante ao da casinha, só que em vez de soltar um brilho pelo cenário, o brilho fica apenas em volta do personagem, mas o efeito é o mesmo.

Cortador de grama: Serve para eliminar uma espécie de fungo que se alastra pelo chão e lhe causa dano se você pisa nele. A principal função do cortador é de eliminar esse fungo, mas você pode usá-lo contra qualquer inimigo.

Extintor de incêndio: Congela os inimigos.

Bola de futebol americano: Arma semelhante aos pratos e talheres, mas que causa um dano alto e é capaz de detonar inimigos mais fortes. Essa arma aparece primeiro nas mão dos jogadores de futebol americano, um dos tipos de bandidos do game. Mas mais em diante, você também pode tê-la.

Pistola de bolhas: Uma pistola que joga bolhas vermelhas, que prendem os inimigos dentro de si por algum tempo. Ela é usada pelos marcianos, mas depois de um certo tempo, você também pode tê-la.

ITENS
     Além das armas, o personagem também conta com o auxílio de itens, tais como:
Caixas de pronto-socorro: Recarrega seu life.

Chaves douradas: Abrem portas comuns.

Chaves caveira: Abrem portas com uma caveira na frente. É bem raro encontrá-las, além disso, você nunca às acha em fases que têm portas caveira. Você às encontra em fases anteriores às fases onde você realmente precisa usá-las. E às vezes elas nem aparecem, obrigando você a ter que dar um reset e jogar de novo. Esse é o grande defeito do jogo, o fato das chaves caveira não aparecerem quando se precisa.

Palhaços de borracha: Você os deixa pelo caminho para que, se algum inimigo forte e difícil de destruir estiver te perseguindo, ele fique "entretido" com o palhaço e pare de te atacar.

Par de tênis: Dão supervelocidade.
Poções: Podem causar diversos efeitos, desde te matar até de te deixar mais forte. A poção mais comum é a que transforma o personagem num macaco gigante, que mata os inimigos à socos. Beeeeeeeem útil.

Dinheiro: Não serve pra nada, só para dar pontos ao jogador.

INIMIGOS
     O jogo possui uma grande variedade de inimigos, a Lucas Arts, fabricante do game, conseguiu englobar num jogo só os maiores sucessos dos filmes de terror. Veja algumas das criaturas que você irá enfrentar:
Zumbis: O principal inimigo do jogo. Andam devagar e sem rumo pela fase, mas aceleram o passo quando uma vítima está por perto. São fáceis de vencer, podem ser destruídos com um único tiro da pistola de água.
Bonecos assassinos: Geralmente aparecem em supermercados e shoppings, mas podem ser encontrados em outros ambientes do jogo. Essa bostinhas te perseguem até conseguirem te acertar, e se estiverem longe, jogam machados em você. Apesar de serem pequenos, precisam de uma boa dose de tiros para morrerem, e depois de alguns disparos, eles começam a pegar fogo e então tentam se aproximar de você para lhe matar. O ideal para vencê-los é usar o extintor, para paralisá-los de modo que não o incomodem mais.

Monstro do armário: Costuma aparecer quando você abre algum recipiente, como um armário ou uma lata de lixo, por exemplo. Geralmente abrimos estes lugares para encontrar itens, mas muitas vezes somos surpreendidos por esse monstro. Ele não pode ser destruído, quando algo é aberto e ele aparece, ele só te acerta e depois se vai. Não é possível prever os lugares onde esse monstro pode aparecer.

Homens de motosserra: Facilmente encontrados em labirintos, mas também aparecem em outros lugares. Eles usam a motosserra para cortar muros e paredes e assim chegar em você mais rápido. Depois, com um ataque giratório, te acertam com a motosserra. É bem difícil de destruí-los, o ideal é apenas jogar um palhaço de borracha para que eles parem de te seguir e fiquem atacando o palhaço, ou dar-lhes um tiro de bazuca para resolver o problema. Só que essas desgraças se proliferam que nem barata, então matar não adianta, o ideal é "entretê-los" com o palhaço mesmo. Alguns deles usam machado em vez da motosserra.

Plantas-monstro: São encontradas em jardins e quintais. Elas em si não atacam, mas enchem o chão ao seu redor com uma espécie de fungo, em que se o personagem pisa em cima, leva dano. Além disso, cospem bolhas de gosma que às vezes acertam o personagem ou mesmo alguma das pessoas para resgatar. Para matar esse bicho você deve usar o cortador de grama nele por alguns segundos. O fungo que ele produz também pode ser destruído com o cortador.

Cogumelos-monstro: São derivados das plantas monstro. Eles nascem do meio dos fungos que cercam as plantas monstro, e aí saem andando pelo cenário. Para destruí-los um cortador de grama basta.

Múmias: Encontradas em pirâmides, castelos e lugares do tipo. Costumam andar devagar, mas aceleram o passo quando te veem. E ainda, não param de te seguir até conseguirem lhe atingir. Para vencê-las você pode usar as armas de poder médio, nem muito fraco, nem muito forte. Maçãs, pratos e talheres são recomendáveis.

Lobisomens: Uns dos inimigos mais chatos do jogo. Esses caras saltam de um lugar para o outro em qualquer parte do cenário. Não importa se você está dentro de casa e eles fora, ou vice-versa, eles saltam para perto de você e te enchem de patadas, você pode estar com o life cheio que eles fazem o trabalho de esvaziá-lo em segundos. E o pior é que eles correm rápido, então quase não há como fugir. Só podem ser destruídos com armas de alto poder, como a bazuca por exemplo. Mas se você quer economizar seu arsenal pode congelá-los com o extintor ou destruí-los com o brilho mágico da Casinha ou da Cruz. Um pouco antes de saltarem perto de você, é possível ouvir um uivo, o qual já dá um tremer nas pernas, pois já passam ao jogador a sensação de "já morri!".

Monstros aquáticos: Parecidos com os lobisomens, só que são mais fáceis de destruir ou mesmo de escapar, e não te matam tão facilmente. Eles geralmente aparecem na água, e são identificados por bolhas que ficam se movimentando, assim como seu personagem, que quando entra na água também é identificado por um borbulhado. Como na água não se pode usar armas nem itens, o jeito é sair da água quando se tem a "ilustre compania" deles e tentar destruí-los do lado de fora. Os monstros aquáticos são alguns dos que mais matam vítimas no jogo.

Gosma vermelha: Aparece raramente. Ela fica escorregando pelo cenário sem ter um rumo específico, mas ao mesmo tempo tenta te atingir. Quando você toca nela, fica envolto por uma gosma vermelha que a cada segundo te tira um risco do seu life, além de te impossibilitar de usar alguma arma ou item. Não pode ser destruída, mas você pode congelá-la com o extintor.

Aranhas: Ficam andando rapidamente pelo chão, te acertando e até matando as vítimas às vezes. Podem ser destruídas com armas de baixo poder, mas é muito difícil de matá-las, pois elas se movem rápido demais. O jeito é fugir mesmo.

Marcianos: ETs que saem de naves alienígenas. Eles possuem armas que disparam bolhas vermelhas, as quais te prendem dentro e te causam dano, às vezes até matando o jogador. Não sei se podem ser destruídos, mas podem ser facilmente evitados, pois eles não te perseguem.

Jogadores de futebol americano: Como o nome já diz, eles jogam futebol americano, só que de um jeito diferente: se a bola conseguir acertar você, melhor!

Frankenstein: Só aparece uma vez no jogo, na primeira fase de castelo, a 7. Ele, além de te perseguir, jogar raios de energia que ficam batendo nas paredes e voltando em você. Não pode ser destruído.
Formiga gigante: Sai de dentro dos "formigueiros" que existem em algumas fases. Elas te perseguem por todos os cantos e até pulam sobre os muros até te pegarem. Além de causarem dano, essas formigas roubam seus itens.

Clones: Essas plantas redondas emergem do chão em questão de segundos e se transformam em clones dos personagens. Os clones podem ser destruídos com um mero tiro da pistola de água, tal como os zumbis.

THE END
Prós: Variedade de itens e armas, parte técnica muito bem feita.
Contras: Dificuldade muito alta nas fases finais; Às vezes as chaves caveira não aparecem, obrigando a gente a ter que dar um reset no game e começar de novo. Por sorte o game usa o sistema de passwords!
Considerações finais: Um ÓTIMO game, Zumbis Comeram Meus Vizinhos é sem dúvida um dos jogos mais divertidos que já vi. Bastante viciante e agradável de jogar. Uma boa pedida pra qualquer jogador, independente do seu gosto ou gênero preferido.
PS:Ficaram faltando alguns sprites nas partes das armas e dos itens, revirei o Google e não os achei, se alguém souber onde tem, poste nos comentários.

Essa review foi um pedido do leitor Nightsy!

5 comentários:

  1. faz um review do the amazing spider-man letal foes esse jogo e muito bom e adoraria ver um review dele

    ResponderExcluir
  2. olá ^^
    eu jogo zombies, e nunca sofri por falta de chaves de caveira, geralmente elas se encontram nas próprias fases, mas tem que matar inimigos apelões pra consegui-las. a gosma vermelha pode ser destruida se disparar o extintor por 3 segundos. e o tonguenstein (versão satirizada do frankenstein, devido ao nome do seu criador, Dr. Tongue) aparece mais algumas vezes, e pode ser destruido, paralizado e congelado, recomendo o uso do extintor, e depois do cortador de grama bem perto dele. até os raios que ele taca são congelados. Ah, outra dica: usem talheres contra lobisomens. matam em 1 hit. (acho que é pq são de prata). ^^ falow, e bom jogo!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelo belo post sobre um doa meus jogos favoritos, criei um blog recentemente sobre snes e estou fazendo um post especial para este jogo quando estiver pronto voltarei aqui pra avisar e ficarei feliz se comentar.
    http://snestalgia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. quero passoword de vida infinita pc alguem sabe ai?

    ResponderExcluir

O Point Games Brasil é um lugar para troca de ideias! Eu dou as minhas por meio dos posts, e você, por meio dos comentários. Sua opinião é muito importante, mas tenha maturidade e responsabilidade para expressá-la. Comentários maldosos, com mimimi ou xingando todo mundo não serão permitidos, portanto não seja um troll. Faça sua parte para manter a internet um lugar saudável a todos. Promova discussões e debates, critique, elogie, opine! Mas sempre com educação e respeito.